terça-feira, 26 de junho de 2012

Cinco tendências para decoração




Após os principais eventos do mundo de decoração, a London Design Week e a Design Week de Milão, as lojas e decoradores já se abasteceram das melhores novidades disponíveis no mercado. Confira abaixo as tendências selecionadas pelo portal imobiliário Agente Imóvel, que não podem faltar nessa temporada para dar um toque diferenciado na sua casa:


Cores: Muitas cores! Esse promete ser o elemento de grande destaque em todas as peças de decoração. Aposte nas cores vibrantes, como azul bic, rosa pink, vermelho, amarelo e laranja. As cores estão em alta para o uso em móveis e até almofadas e cortinas.


Grafismos: As estampas chegam com variados tipos de grafismo param compor uma decoração moderna e alegre. Opções em zig zag, retas, curvas e muitos outros formatos completam a diversidade de produtos disponíveis com a tendência.


Retrô: O grande diferencial apresentado para este ano está na mistura de móveis com design retrô com o que há de mais avançado em tecnologia.


Pop Art: Essa é a forma mais divertida e ousada de decoração, onde você poderá usar peças de diferentes coleções e cores em um mesmo ambiente. A criatividade é a chave para decorar no melhor estilo Pop Art.

Barroco e Cubismo: A união dos dois estilos é a tendência mais inusitada para a temporada. As formas irregulares do barroco mescladas com os elementos geométricos do Cubismo estão em alta nos móveis da temporada.


*Por Agente Imóvel

terça-feira, 19 de junho de 2012

O LADO BLACK DA DECORAÇÃO


A Mostra Black que este ano está em sua 2ª edição, apresenta anualmente, o melhor da produção brasileira da arquitetura, do décor, do paisagismo – integrados ao design e à arte. Para isso, convida e dá espaço a 25 grandes nomes locais dessas áreas dentre eles conta com a participação de nomes como Sig Bergamin, Gilberto Elkis, Fernanda Marques, Roberto Migotto, André Piva, Alex Hanazaki... que formaram os 22 ambientes da casa desse ano. Mais uma vez os profissionais tiveram total de liberdade de criação, sem ser determinado um tema para os projetos, apenas foi pedido que interpretassem o conceito Black na visão de cada um.

No Alto de Pinheiros, uma casa instalada em uma soma de terrenos que atinge 5.100m2, nesta imensa residência modernista inteiramente aberta para a rua, sem muros, com projeto brilhante dos arquitetos Raimundo da Rocha Diniz e Sidôneo Porto, e jardins de um verde pujante, como em todo o bairro planejado pela Cia. City. O projeto da casa lembra muito os casarões de L.A. dos anos 1960, sem muros e com muito verde, abertos e envidraçados, com suas linhas retas. A mostra acontece até 30 de Junho na Av. Professor Fonseca Rodrigues, 664, Alto de Pinheiros, São Paulo. Mais informações acesse o site: www.mostrablack.com.br .


Dourado fosco nos pendentes do teto, e brilhante junto ao preto nas paredes. É o corredor de ligação entre os antigos quartos da casa, assinado brilhantemente – e literalmente – pela Scatto Lampadário.



No Bike Lover Studio de Christina Hamoui , a profissional escolheu as cores de seu ambiente a la Piet Mondrian. Destacando não só o vermelho, o amarelo e o azul que são as cores marcantes do pintor holandês, como remete à bicicleta modelo Mondrian 695, usada no Tour de France 2010. Destaque para chaise amarela .



Living de Fernanda Marques traz como tema “Goes Rock too” e muitas guitarras na decoração do espaço, assim como o predomínio das cores branco e cinza.



A Sala Pop de Murilo Lomas é uma grande mistura de tendências clássicas e modernas, mistura também de cores, estampas e outras referencias visuais para compor o seu ambiente inspirado em Hollywood e a cultura pop dos anos 1960 e 70.




O Loft Gourmet de André Piva se propôs a despertar os prazeres da vida para projetar esse living dividido em 2 ambientes, um com destaque para uma mesa de sinuca integrado com uma mini cozinha e o destaque está nas cordas com luzes embutidas que separa os ambientes.



No espaço de João Armentano , o arquiteto trabalhou sobre a ampla marquise que ostentava pilares metálicos e puderam ser aproveitados para produzir o Estar do Giardino - espaço que acompanha a arquitetura original em seu estilo anos 1950. Destaque para uma versão do sofá Cipria dos Irmãos Campana, com diferentes revestimentos com uma combinação inusitada de marrom e dourado, realmente um charme.


David Bastos em seu Estar na Praia priorizou o conforto e informalidade. Para compor esse ambiente, Bastos usou réplicas antigas de barcos, cerâmicas encontradas em navios naufragados (Anno Domini), corais e inúmeras fotos que remetem ao tema praiano.

O Living Contemporâneo de Guilherme Torres tem 80 m² e um pé direito com 4 m de altura  impressiona por suas paredes estruturadas em microcimento e mármore branco. No ambiente, chama a atenção o sofá capitonê Otto, com mais de 5 m de comprimento e que precisou ser estofado no local, devido as suas dimensões.
 

O gazebo assinado por Marina Linhares é estruturado em madeira vazada, com fechamento vítreo, em estrutura integrada a um jardim de inverno.


Roberto Migotto em seu lounge África Pop Rock dá ênfase à marcenaria em nogueira americana versão brilhante , composta com móveis de estilo anos 1960. Os toques étnicos ficam por conta dos tecidos em poltronas, almofadas e objetos, como a grande moldura folhada a ouro . Além de muito couro, peles, veludos, mármore e madeiras nobres, o projeto abusa de cores como preto, marrom, bege e havana.


Ana Maria Vieira Santos construiu uma Casa térrea e em estilo contemporâneo, dentro da mostra. O vidro é o elemento essencial à integração dos interiores ao jardim externo, com espelho d'água de 100 m² que percorre também um jardim interno. O destaque da casa é uma sala projetada para o universo masculino, com adega para até 200 garrafas e ainda mesa-bar, mesa de jogos e aperitivos. No living, a lareira moderna faz contraste com móveis antigos. A maior parte do mobiliário foi desenhada pela profissional.


Beto Galvez e Nórea de Vitto assinam a Sala da Colecionadora - para uma personagem que coleciona obras e é antenada, elegante e sofisticada. A base do projeto é neutra e predominam os tons off white, criando um "efeito galeria". Detalhes dourados destacam-se no espaço; nos mobiliários e revestimentos que misturam materiais tradicionais como madeira, couro croco (coluna), laca e mármore.




Com traços bem característicos em seus projetos, que se baseiam no conforto, sofisticação, natureza e bem-estar, a arquiteta Débora Aguiar assina a Casa do Natural, com 150m² de área, projetado especialmente para casais que adoram receber amigos e familiares, mas que não abrem mão de ter a casa com o aconchego de um ninho ou refúgio.



Daniela Colnaghi e a Joalheria Gharimpeira estão juntas novamente apresentando o melhor em termos de decoração e adicionando ainda mais valor as jóias expostas num espaço convidativo exibindo uma visão contemporanea decorativa do clássico nos tempos atuais e destacando a grandeza das peças por suas composições únicas e fundamentais para o seleto publico do evento e os demais profissionais.

Texto e imagens: Emanuella Minari Ferreira

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Prêmio Campinas Decor 2012



Edição rendeu também Menção Honrosa à Copa das Crianças, na categoria Novos Talentos; visitantes têm até domingo, dia 17, para conhecer a mostra e conferir os ambientes premiados

Os ambientes Cabana do Cavaleiro e Paisagismo, Home Cinema, Jardim da Fazenda e Jardim Campinas Decor são os grandes vencedores do Prêmio Campinas Decor 2012, cuja solenidade de entrega foi realizada na noite de ontem, segunda-feira, 11, na Fazenda Santa Margarida, em Joaquim Egídio. Em sua quarta edição, a premiação contou com uma novidade: uma menção honrosa ao ambiente Copa das Crianças, o mais votado pelo júri na categoria Novos Talentos. Outra surpresa é que houve empate e dois projetos foram contemplados com o primeiro lugar na categoria Paisagismo (Jardim da Fazenda e Jardim Campinas Decor).

Esta também foi a primeira vez em que a solenidade de entrega do Prêmio Campinas Decor foi realizada ainda durante a realização da mostra de arquitetura, decoração e paisagismo, que segue até 17 de junho. A mudança dá a oportunidade de o público conferir os ambientes premiados e os demais espaços que compõem a 17ª edição do evento.

O projeto Cabana do Cavaleiro e Paisagismo, assinado pelo arquiteto e urbanista Otto Felix, ficou com o primeiro lugar na categoria Arquitetura, Decoração e Design de Interiores. Em sua segunda participação na mostra, é também a segunda vez que o profissional tem sua atuação reconhecida na premiação. Em 2011, Felix obteve uma Menção Honrosa pelo ambiente Escritório da Marchand e Galeria, que naquela edição havia ficado a menos de um ponto de distância em relação ao segundo colocado na categoria. Como premiação, além do troféu, o expositor ganhou uma viagem para a cidade italiana de Milão, por ocasião do Salão Internacional do Móvel, e uma adega climatizada, presente da GE Eletrodomésticos, uma das patrocinadoras másters da Campinas Decor 2012.

“Estou muito feliz. Construir um ambiente de 160 metros quadrados em um prazo de 40 dias foi bastante difícil, mas os resultados têm sido mais do que compensadores”, afirmou Otto Felix ao receber o troféu das organizadoras

O segundo lugar na categoria ficou para o Home Cinema, projetado pelos arquitetos Daniele Guardini e Adriano Stancati. A dupla ganhou uma viagem para a capital argentina, Buenos Aires, por ocasião da mostra de decoração Casa Foa, além de troféu e uma adega GE. No ano passado, Daniele e Adriano também conquistaram o segundo lugar na categoria, com o Loft Nova York.

Na categoria Paisagismo, ocorreu o primeiro empate desde a criação da premiação, em 2009. Os grandes vencedores da noite foram o Jardim da Fazenda, assinado pelo engenheiro Alexandre Furcolin, com a colaboração da arquiteta Marina Gwyther, que recebeu o troféu na noite de ontem como representante de Furcolin, e o Jardim Campinas Decor, assinado pelo engenheiro agrônomo e paisagista Renato Páteo e pela arquiteta e paisagista Maria Delmanto. Com a conquista, a dupla,  tornou-se tetracampeã na premiação. O prêmio para os dois projetos, além de troféu e de uma adega GE, é uma viagem para a Holanda, por ocasião do evento Plantarium 2011.

O espaço Copa das Crianças, projetado pela designer de interiores Ana Lúcia Castro, foi o merecedor da Menção Honrosa na Categoria Novos Talentos (ambientes reservados pela mostra para a participação de profissionais com até dois anos de mercado). Além da placa de menção honrosa, a profissional ganhou um microondas enviado pela GE.

Os premiados foram escolhidos por um júri formado por seis profissionais de grande representatividade no setor. São eles: a arquiteta e jornalista Olga Krell, consultora da On Line Editora, na qual dirige as revistas Decoração & Estilo Casa e Casa Festas, a jornalista Claudia Nogueira, editora das revistas Casa Cláudia e Arquitetura & Construção, o arquiteto e urbanista Celso Primi, o arquiteto, urbanista e professor da Unicamp Marcos Tognon, a arquiteta e urbanista Rosana Ferrari, conselheira superior do IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil – São Paulo) e conselheira estadual do CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo), e o decorador Tuta Martins.

Para chegar ao resultado final, os seis jurados convidados avaliaram todos os ambientes seguindo critérios definidos pela organização. Nos ambientes de Arquitetura, Decoração e Design de Interiores, foram avaliados os seguintes conceitos: concepção do projeto executado; criatividade; relação com o tema proposto; funcionalidade e conforto; inovação, tecnologia e tendência. Nos  espaços de Paisagismo, além dos itens anteriores, foram analisadas também a harmonia e a adequação das plantas ao local.

Conheça os ambientes premiados:

Categoria Arquitetura, Decoração e Design de Interiores

1º Lugar - Cabana do Cavaleiro e Paisagismo - Em meio à vasta vegetação da fazenda, o arquiteto e urbanista Otto Felix construiu uma cabana de 160 m² mesclando os estilos rústico e contemporâneo a uma pitada de nostalgia. Na construção predominam a madeira freijó e preto. Do meio das árvores surge a construção inusitada, que se harmoniza ao cenário local. O tom nostálgico foi criado usando linhas retas e grandes aberturas nas composições de pedra e madeira, somadas a uma janela antiga, dentro de chanfros. Todos os materiais utilizados respeitaram o meio ambiente, como por exemplo, as placas de cimento. O profissional, que participou da mostra pela primeira vez em 2011, destaca a fachada de pedra com a quina aberta deixando em evidencia a cortina com um efeito de luz criado pelo espelho d’água que está no interior do ambiente. A sala é toda aberta, sem paredes, e o teto de vidro é completado com uma sub cobertura de palha. Esse teto tem papel fundamental na integração do ambiente com o exterior.

2º lugar - Home Cinema – O objetivo dos arquitetos Daniele Guardini e Adriano Stancati com este projeto foi criar uma sala de cinema residencial, onde assistir a um bom filme seja uma experiência ainda mais prazerosa. A sala foi totalmente automatizada com equipamentos de última geração e ficou extremamente aconchegante e convidativa. Os cantos arredondados unem as paredes e o forro em um elemento único, revestido com papel de parede levemente emborrachado e fundo dourado. O grande sofá com 7 metros de comprimento atende até 12 pessoas sentadas confortavelmente. Na frente, cinco poltronas em laca preta completam o ambiente. A tela de projeção é a maior existente atualmente, com 3,33m x 1,53m. Ela mantém uma superfície de foco homogêneo, permitindo a flexibilidade mesmo quando o espectador assistir filmes em formato wide screen, garantindo assim qualidade para outros tipos de mídias ou filmes. O estilo contemporâneo do espaço de 42 m² é marcado pelas cores preto, café e dourado.

Categoria Paisagismo

1º lugar - Jardim da Fazenda - Respeitando o meio ambiente da fazenda, em sinergia com a arquitetura existente, o engenheiro agrônomo Alexandre Furcolin propôs um paisagismo de época para criar o Jardim da Fazenda. O profissional deu nova paginação ao piso existente, criou a praça central protegida por um pergolado que abraça o espelho d’água e instalou bancos que convidam o visitante a desfrutar deste clima campestre. Os materiais utilizados no ambiente foram madeira, ferro fundido, granito folheta e pedra gnaise, com o predomínio das cores branca, azul e lilás na vegetação. O projeto contou com a colaboração da arquiteta Marina Gwyther.

1º lugar - Jardim Campinas Decor - A premiada dupla Maria Delmanto – paisagista e arquiteta - e Renato Páteo - paisagista e engenheiro agrônomo – criou um espaço que remete ao lazer com piscina natural, encontrado em resorts, hotéis ou ambientes amplos. Com grandes palmeiras e poucos móveis, o objetivo maior é a contemplação e descanso. Os destaques do ambiente de 1.350 m² são a piscina natural que lembra uma praia e os dois grandes bancos com desenho exclusivo dos profissionais. Esses bancos são compostos de tubos metálicos e feitos com maquinário especial. De olho na sustentabilidade, o deck é de madeira biossintética, produzida a partir da reciclagem de lixo plástico, casca de coco e bagaço de cana de açúcar. O lounge foi proposto com estrutura em alumínio preto com vidro laminado e coberto parcialmente com madeira biossintética. O mobiliário de fibras sintéticas e tecidos e telas especiais para ambientes externos e varandas foi pensado para suportar as mudanças do clima. Neste espaço de estilo contemporâneo natural, predominam as cores areia, marrom, preta e verde.

Menção Honrosa – Categoria Novos Talentos

Copa das Crianças - A designer de interiores Ana Lucia Castro desenvolveu este ambiente de forma lúdica e colorida para que as crianças tenham vontade de ficar e fazer suas refeições durante as brincadeiras. A laca branca está presente nos móveis e na bancada de serviço foi utilizado o mármore. Compõem ainda este espaço uma lousa branca, TV e som ambiente. O destaque do projeto é para o uso de isopor nos painéis e o lançamento de piso vinílico.

Serviço
Campinas Decor 2012
Data: até 17 de junho
Local: Fazenda Santa Margarida
Endereço: saída do km 122 da Rodovia D. Pedro I (Rua Rubens Gomes Balsas, 311, distrito de Joaquim Egídio, Campinas - Rodovia Dom Pedro I)
Horários: terça a sexta-feira, das 14h às 22h; sábados, domingos e feriados, das 12h30 às 22h; a bilheteria fecha sempre às 20h30
Valor dos ingressos: R$ 30,00; estudantes e idosos pagam R$ 15,00 e crianças de até 12 anos não pagam
Passaporte Campinas Decor: R$ 50,00, com visitas ilimitadas
Patrocínio Máster: Altero (metais para banho, cubas, puxadores e maçanetas), GE (eletrodomésticos e eletroportáteis) e 3M (tecnologia diversificada)
Patrocínio: Luxaflex (cortinas e persianas) e Mondialle (banheiras e spas)
Apoio: CPFL Energia, Tecprag, Sempre (segurança patrimonial) e Blocos Marchi
Telefone para informações: (19) 3255-7744
            Site: www.campinasdecor.com.br




segunda-feira, 4 de junho de 2012

Casa Cor 2012


Moda e Design integrados na Casa Cor 2012


  Em 2012  A casa Cor se apresenta completamente diferente, após visitar a mostra aproximadamente por 10 anos consecutivos, posso dizer que há muitos anos não vejo uma mostra tão bonita e realmente repleta de boas idéias e inovações como a desse ano.
O layout da mostra está diferente e foi projetado para que todos sejam obrigados a passar pelos 3 blocos da mostra: Casa Hotel, Casa Cor e Casa Talento Fashion. O tema desse ano é : “Moda, Estilo e Tecnologia” Estampas, materiais, texturas e cores que servem de referência para os estilistas estão sendo rapidamente absorvidos e ganham novas interpretações nos projetos de arquitetura, design de interiores e nos itens de construção. A sustentabilidade é outro pilar cada vez mais presente em seus eventos. “Esse é um grande desafio e missão para a marca, pois os arquitetos estão buscando aliar a utilização de materiais sustentáveis ao conforto e a beleza. Ambientes ecologicamente corretos, com redução de consumo de água e resíduos, jardins verticais, além de móveis e revestimentos com madeira de demolição têm se tornado itens de desejo de quem aprecia arquitetura e decoração” declara Ângelo Derenze, Presidente da CASA COR.
Esse foi o primeiro ano que o Grupo Abril esteve totalmente a frente da mostra, já em 2011 comprou os direitos do Grupo Doria de organizar o evento. Outra novidade foi uma sutil redução de ambientes, são 90 ambientes assinados por profissionais renomados e esse ano também recebeu a consultoria do premiado arquiteto Gianfranco Vannucchi , responsável por avaliar critérios e parâmetros técnicos do projeto, construção, instalações, condições de acessibilidade, edificações, assim como as normas e legislações vigentes.
Como são muitos ambientes, vou destacar algumas idéias e soluções que eu achei mais interessante, mas quem puder não deixe de ir pessoalmente visitar a mostra, pode fazer toda a diferença no seu projeto ou inspirar aqueles que ainda vão começar um.
            O ambiente de Jóia Bergamo, inspirado no estilista Kenzo Takada, realmente está muito envolvente . Todas as peças foram inspiradas no ideograma sonho, afinal o estilista usa esse kanji como assinatura, pois acredita que o sonho é o impulso que nos move. Nos 160m² dessa ambiente, há um living que se integra a uma lareira e uma suíte, em um mix de estilos baseados no contraste de texturas, uma marcante característica oriental.  Jóia alinhou a modernidade ao clássico e junto com o trabalho do paisagista Marcelo Belotto, ela extraiu a essência da paz, do equilíbrio e da sobriedade da carreira do estilista, mesclando cores fortes e vibrantes com a beleza das flores.




A arquiteta Simone Goltcher trouxe para Casa Hotel uma suíte de 100 m² que foi projetada exclusivamente para o cantor sertanejo Michel Teló . A proposta foi a concepção de um loft integrando os ambientes de maneira mais confortável possível. Além do espaço amplo, a arquiteta utilizou vários tons de cinza dão um toque de requinte e modernidade ao espaço e para dar mais vida ao ambiente, Simone utilizou também o amarelo , que é uma cor quente e vibrante, assim como o cantor. 



Outro espaço que também me chamou a atenção, foi o Home Family da Casa de Campo da arquiteta Daniela Francfort. A proposta foi aproveitar bem o espaço que era reduzido , aproximadamente 40m2, para criar um espaço de lazer para convívio familiar.
Um Living integrado, um Lounge bar e um escritório no mesmo espaço com objetivo de favorecer uma atmosfera intimista, criando um ambiente informal. Utilizei um fundo de cores neutras para dar aconchego e um tecido floral para trazer alegria”, definiu a arquiteta.



O destaque ficou por conta dos detalhes, como a marcenaria do armário que a arquiteta projetou inspirado no bagageiro de aviões, otimizando assim o pequeno espaço para guardar mais coisas. Outra proposta interessante foi à utilização de uma biolareira, que utiliza álcool e não madeira para acender. Tanto o pendente principal, como um abajur do escritório, a arquiteta disse que personalizou as peças optando por uma esfera de murano para enfeitar a haste e a fiação era transparente. 


Um espaço que também chama bastante atenção foi a Cozinha de Campo de Claudio Porse. No mesmo espaço, Claudio integrou sala de jantar, copa, cozinha e um espaço para degustar um bom vinho. A base da mesa de jantar é um pedaço de tronco de arvore com um tampo de vidro sobreposto, ficou belíssimo. .
Servindo como vasos de flores,antigos latões de leite feitos de cobre , tipicos de fazenda dão um charme especial ao ambiente. Piso e banco comunitário de madeira de demolição também compõe algumas das soluções sustentaveis do ambiente, assim como colocar um secador de panelas sobre uma horta para reuso da agua é uma ideia simples e bastante funcional. 



Claudio ainda utilizou em sua cozinha, 2 geladeiras da brastemp em estilo retrô e nas cores amarelas, tendencia essa lançada na semana de Design de Milão 2012.
Falando em Brastemp, em seu espaço já habitual na Casa Cor, o “Espaço Gourmet” traz esse ano algumas cozinhas com ideias inspiradoras como um sofá feito de parte de uma geladeira e os braços de tiras de papelão empilhadas e uma luminária feita com copos de liquidificador.



A sensação da mostra esse ano foi o inusitado espaço do arquiteto Léo Shehtman, intitulado “Loft Bolha”, o projeto inédito no Brasil é baseado nos conceitos da arquitetura efêmera para se adequar a qualquer ambiente, através de uma estrutura itinerante que não impõem obstáculos visuais à paisagem. Com 80m2, o projeto articula-se em três espaços: living, dormitório e sanitário. A estética dos ambientes é minimalista, com predominância do branco em poltronas que foram lançadas na feira de Milão, sofá iluminado feito de espuma inflável e saco plástico, que intensificam a proposta sustentável do arquiteto. 



Já o quarto inspirado em Alice, a filha da apresentadora Daniela Albulquerque, ficou realmente um sonho. Trata-se de um conceito inovador nos ambientes para bebês: uma suíte, projetada pela arquiteta Mayara Lopes baseado na personalidade da apresentadora e no conforto e segurança .Todos os móveis foram desenhados sem quinas nem cantos. O berço tem design espanhol, mas segue rigorosamente as normas brasileiras do Inmetro. Monitorado via iPad e iPhone, o espaço conta com sistema de automação de luz, persianas e som, além de câmeras com infravermelho, que captam imagens noturnas. O painel fotográfico assinado por Suzi Benedek mostra uma composição de várias fotos da homenageada. Poltronas Egg de veludo em tom chiclete. Compondo as estantes, os nichos coloridos laqueados de 40 x 40 x 40 cm têm desenho do artista plástico carioca Rúdi Sgarbi, que se inspirou nas famosas bandeirinhas de Alfredo Volpi. Dentro do berço, os protetores são feitos de espuma flocada, o que torna o produto anti-sufocante para o bebê. 


Ainda falando em projetos para as crianças, outro destaque foi o quarto da menina, assinado pelo arquiteto Luis Pedro Scalise que se inspirou no ultimo lançamento da Disney/Pixar , a animação “Valente”. A historia se passa na Escócia e sua personagem principal é uma pequena porém corajosa princesa chamada Mérida.
Para que o visitante pudesse mergulhar no clima do filme, Scalise compôs o quarto são peças que remetem a um castelo. O ambiente é todo lúdico , possui pinturas de campos escoceses nas paredes, corujas e ovelhas de pelúcia, uma cama flutuante, um gazebo de ferro no centro do quarto onde se pode tomar um chá com as amigas, uma penteadeira com banco de sela de cavalo e um armário com passagem secreta para o banheiro.




           Esse ano a Casa Cor ainda traz uma programação especial para os pequenos, com oficinas culturais, que a cada final semana terá atividades educativas e inusitadas, como oficina de jardinagem, reciclagem, culinária, contadores de histórias e muito mais.
          Os últimos quatro dias (19 a 22 de julho) serão dedicados ao Special Sale, período em que objetos, obras de arte, móveis, equipamentos e acessórios que compõe os ambientes do evento estarão com desconto de até 70%.

Período:  29 de Maio a 22 de Julho / SPECIAL SALE: 19 a 22 de Julho
Local : Jockey Club de São Paulo
Av. Lineu de Paula Machado, 1.173 - Cidade Jardim - São Paulo - SP
Veja mapa de localização
Horário: Terça a Sábado: das 12h00 às 21h30
Domingos e feriados: das 12h00 às 20h00
Preço : Terça a Sexta: R$ 39,00. Sábado, Domingo e feriados: R$ 45,00
Passaporte: R$ 75,00 (válido para todos os dias da mostra)
Mais Informações: (11) 3819-7955
Parceria Social - Instituto Ayrton Senna
Na compra de seu ingresso inteiro, R$1,00 (descontados impostos) será destinado aos programas do Instituto, que garantem educação pública de qualidade a crianças e jovens do Brasil
.

(Por Emanuella Ferreira)