quinta-feira, 10 de outubro de 2013

RETROFIT DE LUXO É TENDÊNCIA EM SÃO PAULO

    O conceito de revitalizar edificações – retrofit – preservando suas estruturas originais e adaptando-as às exigências e padrões de uso, como mudança de fachada, instalações elétricas e hidráulicas tem ganho cada vez mais espaço em São Paulo, principalmente nos centros urbanos onde a existe uma escassez de terrenos para construção de novos prédios e os valores são bastante elevados. Utilizados para suprir a demanda populacional a curto prazo da cidade, hoje é uma alternativa utilizada pelas empreiteiras para voltar a investir em regiões nobres, como os jardins que antes eram descartadas para investimento devido a superlotação de prédios.
   A Vitacon Incorporadora, especializada em imóveis compactos, inova ao trazer está tendência para os bairros de luxo, e lança o primeiro empreendimento, deste porta nos jardins, o VN Casa Alameda Campinas.
   O objetivo é acompanhar a modernização da arquitetura local, de novos prédios, valorizando o bairro, com um valor equivalente (custo-benefício) para quem pretende  morar na região. “Uma vantagem deste modelo é a rapidez na construção. Por não  precisar fazer fundações e construções básicas, a obra pode ser concluída com muito  mais agilidade. O ganho de tempo, entre projeto e execução, chega a um ano”, explica Alexandre Frankel, CEO da Vitacon.
   O VN Campinas oferece 30 apartamentos, de 45m2 e 65m2 e seu o público-alvo são singles, casais sem filhos, executivos expatriados e estudantes. O valor do metro quadrado será o mesmo da região, em torno de R$ 15 mil, porém o ganho acaba  sendo na comodidade, pois será o único que terá serviços encontrados em hotéis,  como cafeteria e lavanderia, além de aluguel e estacionamento para bicicletas.
   Outra novidade bastante explorada é no conceito dos apartamentos, já que é assinado pelo arquiteto internacionalmente renomado, Guilherme Torres. “Todos os apartamentos serão entregues decorados e mobiliados, de acordo com o projeto apresentado para os moradores”, pontua o executivo.
   Ao adquirir o retrofit, o investidor poderá acompanhar, em tempo real, por meio de câmeras instaladas estrategicamente, a evolução da obra. “ As câmeras funcionarão 24 horas por dia e sete dias por semana. Será o primeiro reality show da construção civil neste tipo de empreendimento”, conclui Frankel.

video
Por: Emanuella Minari

Nenhum comentário:

Postar um comentário