terça-feira, 30 de abril de 2013

Destaque I Saloni - parte 5


  5. Moveis da Zanotta pelos designers Ludovica e Roberto Palomba e Ora Ito

   Sofá modular Bruce projetado por Ludovica + Roberto Palomba faz parte de uma série caracterizada por estofados e almofadas duplas e pés de alumínio ( polido ou preto niquelado).  Estrutura de aço com poliuretano / Dacron Du Pont estofos. Os assentos são preenchidos em poliuretano / Dacron Du Pont, enquanto as almofadas de encosto são estofados com 100% de ganso puro penas. Os assentos removíveis pode ser em tecido ou couro.

Sofá Bruce ambientado

Sofá Bruce 


Outra opção Sofá Bruce

       A edição limitada Grandtour espreguiçadeira, apresentada em co-branding com Maserati e desenhado por Ludovica + Roberto Palomba. Algumas características especiais: um de aço cromado ou base circular lustrosa de níquel preto, uma estrutura monocoque com cobertura extra de couro Zanotta, com acolchoamento costurado, disponível em três cores.

Croqui da Grandtour espreguiçadeira
Grandtour espreguiçadeira

Grandtour espreguiçadeira ambientada


A série Kent desenhado por Ludovica + Roberto Palomba: uma poltrona, uma bergère com encosto alto e um pufe. Todos possuem uma base de aço giratória, pintado nas cores cromo, preto ou grafite.
Cadeira Kent com puf opcional


O estofamento é feito de espuma de poliuretano auto-extinguível com assento removível em tecido ou couro.

Cadeira Kent


Cadeira Kent ambientada


    Três novas versões da poltrona Eva, concebido pelo designer francês Ora Ito.
O novo "Eva 2013" ainda tem o mesmo fundo mas apresenta um assento removível, em tecido ou couro, juntamente com um estofamento macio em Dacron Du Pont e combinando as pernas tanto em recursos naturais, carvalho wengé manchado ou noz-tingido , quanto uma base giratória de aço, pintado em tons de preto ou branco.

Cadeira Eva com opção de base giratória cromada.

Cadeira Kent com pernas de madeira.

Por: Emanuella Minari
Fonte: Zanotta

Destaque I Saloni - parte 4


4.Cadeira Trez do designer brasileiro Zanine de Zanine para Capellini

Zanini de Zanine é apontado como um dos potenciais novos embaixadores do design brasileiro no mundo.
Tem 34 anos, e é filho de um dos arquitetos mais consagrados do Brasil, José Zanine Caldas. As memórias do pai e do circuito de amigos da família terão influenciado o seu percurso.



Zanini de Zanine acabou o curso de Desenho industrial em 2002 no Rio de Janeiro. Desde então já ganhou imensos prémios de design nacionais e internacionais. Em 2009 fundou a marca Doïz design. Editou para a marca francesa de exterior, Tolix,  uma poltrona, apresentada já este ano.

Hoje está no cobiçado catálogo da conceituada Cappellini com a poltrona ‘Trez’, inspirada na cadeira  ‘Três Pés’ do mestre do design brasileiro Joaquim Tenreiro.



Foi este convite que o colocou nos holofotes da cena internacional no espaço da Cappellini em Milão, na Via Savona.



 "Trez" poltrona do jovem designer brasileiro de Zanini de Zanine para Cappellini, que mais parece um personagem de um alfabeto



Por: Emanuella Minari
Fonte: Quarto e Sala e Cosmit

Destaque I Saloni 2013 - parte 3


3.  Montera - design por Roberto Lazzeroni para Poltrona Frau

Cortes limpos que trazem a qualidade tátil do couro. Depois de "Ginger" e "Fred", um novo projeto de Roberto Lazzeroni, por Poltrona Frau. A cadeira "Montera".O denominador comum no trabalho do designer é a leveza de forma e, acima de tudo, o charme sensorial de couro.




A parte interna da concha é coberto em Pelle Frau ® couro do Sistema de Cor e em contraste elegante da superfície externa é Cuoio Saddle ® Extra.



Dois materiais diferentes que aumentam-se mutuamente quando costurada com arestas de corte limpo. Na parte de trás do assento a costura visível tem um traçado delicado e esconde o zíper que, como um terno feito sob medida impecável, é usada para fechar o cobrir.



O assento também está disponível em uma versão completamente coberto de Pelle Frau ® couro do Sistema de Cor.



Concha em madeira de molde curvo. Estofamento em espuma de poliuretano. Base de quatro pernas em madeira Wengéstained cinza sólida.



O "Montera" é um jogo visual perfeito para a nova tabela "Bolero", também de Roberto Lazzeroni.


Por: Emanuella Minari
Fonte: Poltrona Frau
Imagens: Divulgação

Destaque I Saloni 2013 - parte 2


2.  Sofá Bocks da Dríade by Ludovica e Roberto Palomba 

Sofá Blocks são blocos que compõe um sofá caracterizado por uma modularidade profunda, concebido para uma 'vida familiar' informal e contemporânea. Seus elementos são sobrepostos em um jogo de articulações.


Com base na estrutura de blocos de madeira com preenchimento de poliuretano e estofamento removível. Este mobiliário é concebida como moda e celebra um sofá como um objeto de design.



Croqui do Sofá Block

Modulos do sofá Blocks



Ambientação com sofá Block

Ludovica e Roberto Palomba

Por: Emanuella Minari
Fonte: Dríade

Destaques do I Saloni 2013


    Mesmo em crise a feira ,o “ I Saloni ” ainda se mantém como  a principal feira do setor moveleiro mundial, como um polo de novas tendências em Design . Somente neste ano apresentou  2.500 expositores de 160 países e recebeu aproximadamente 300 mil visitantes .
  “O Salão tem crescido, apesar da crise. As empresas moveleiras de Milão são os motores da economia da região e nós podemos ajudar a Itália a se recuperar”, disse Claudio Luti, proprietário da Kartell e novo presidente do Cosmit, durante uma conferência para a imprensa internacional, no início de fevereiro.
    Um mundo em crise e que se prenuncia cada vez mais virtual e menos materializado. Percebe-se um desejo de renascimento, de adotar um estilo de vida mais ancorado na realidade – e menos no supérfluo – por isso a temática da feira esse ano foi “Interiores de amanhã”.
     Os destaques da edição 2013 estiveram nos estandes dessas marcas que praticamente ditam os novos rumos do Design: Moroso,B&B,Kartell,Meritalia,Magis,Zanotta,Driade,Vitra,Campeg,Areas,Esdra, Poltrona Frau, Capellini e Cassina.

Veja a seguir o que foi destaque na feira:


  1. Poltrona Cubo dos Irmãos Castiglioni

     Com esse projeto, os irmãos Castiglioni demonstraram em 1957, sua capacidade de usar materiais inovadores para a produção de objetos, contrariando os métodos de produção habituais daquela época.
Achille Castiglioni, disse "quando um material é macio, é possível a construção de uma forma rígida com ele".  Tendo isso em mente, Achille e Pier Giacomo Castiglioni pensaram em uma poltrona com um protótipo experimental utilizando novos materiais para projetos de interiores na exposição "Cores e formas na casa de hoje" em 1957, Villa Olmo em Como.
     A poltrona CUBO foi feita com paralelepípedos de espuma de borracha celular com seções em diferentes resistência mecânica. E está equipada com duas rodas que permitem a mobilidade e flexibilidade para o espaço interno.
     Com esta poltrona os Castiglionis desenvolveram um novo conceito de assento onde a forma revela-se exclusivamente durante o uso. Este é o motivo de colocar de volta em produção de um projeto de Achille e Pier Giacomo Castiglioni de 1957.
      Desde o início da "Aventura da Meritalia", em 1987, sempre teve o cuidado especial em relação à inovação e investigação , principalmente nas pesquisas de materiais: aqui está o razão da poltrona “Cubo” parecer a escolha certa a seguir em 2013. A Meritalia quer, mais uma vez, mostrar que seus projetos  têm um conteúdo e que são o resultado de um trabalho sério de quem tem algo a dizer e lançar na história, assim como o irmãos Castiglioni.


Ficha técnica:

Forma cúbica estofados apoiado por uma estrutura metálica com rodízios que determinam os movimentos fáceis. Assento em poliuretano flexível, em diferentes densidades com capacidade de carga calibrada.
Assento 'Covers são removíveis. Estofados em tecido, tecido ou couro, disponível em cores diferentes.

Dimensões:
poltrona 80 cm x 83 H72
foothrest cm 50 x 66 H72


Irmãos Castiglione em 1957 

Croqui do projeto original da poltrona Cubo

Poltrona Cubo






Escritório Loeb Capote realiza palestra com o tema “Arquitetura e Urbanidade” na programação do ciclo MCB-ARQ!BACANA 2013

 

 
    O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, em parceria com o portal ARQ!BACANA, apresenta em maio a segunda palestra do ciclo sobre arquitetura e urbanismo realizadas desde 2010. Com a presença dos arquitetos Roberto Loeb e Luis Capote, do escritório Loeb Capote Arquitetura e Urbanismo, em 15 de maio às 19h30, o tema abordado será “Arquitetura e Urbanismo”.
 
    Na ocasião serão apresentados os projetos de indústrias, de intervenção social, de urbanismo - como a ponte móvel sobre o canal da represa Guarapiranga -, e ensaios arquitetônicos, todos de autoria de Loeb e Capote junto aos seus arquitetos associados Damiano Leite e Chantal Longo e a equipe que compõe o escritório. O evento traz ainda a oportunidade de conhecer o processo criativo dos profissionais, além de suas filosofias de trabalho e críticas sobre a arquitetura praticada nos dias de hoje.
 
    Com patrocínio da Knauf Drywall e da Securit e apoio do SENAC SP, o evento tem inscrições abertas ao público em geral pelo site www.arqbacana.com.br/agenda.
 
Sobre o Loeb Capote Arquitetura e Urbanismo 
Com quase cinco décadas de experiência na área, o arquiteto Roberto Loeb aliou-se às jovens ideias do arquiteto Luis Capote em 2004, quando se tornaram sócios. Nos últimos anos, o escritório concentra-se na concepção, desenvolvimento e implantação de projetos de complexidade programática e tecnológica, atuando em diversos segmentos e incorporando soluções de sustentabilidade aos trabalhos.
 
Sobre o Museu da Casa Brasileira 
O Museu da Casa Brasileira se dedica às questões da cultura material da casa brasileira. É o único do país especializado em design e arquitetura, tendo se tornado uma referência nacional e internacional nesses temas. Dentre suas inúmeras iniciativas destaca-se o Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, realizado desde 1986, e que comemora este ano sua 27ª edição.
 
Sobre o ARQ!BACANA 
Desenvolvido pelo arquiteto Marcio Mazza, o ARQ!BACANA é um portal completo e efetivo do mercado de arquitetura, arquitetura corporativa, design, paisagismo e urbanismo. O portal publica diariamente ações e eventos nacionais e internacionais - técnicos, pedagógicos, culturais e sociais - que envolvem a comunidade dos arquitetos, designers e paisagistas. Promove em conjunto com o MCB, desde 2010, palestras com profissionais experientes para aprofundar a discussão sobre as questões arquitetônicas e urbanísticas da cidade de São Paulo e do Brasil.
 
SERVIÇO: 
 
Palestra ARQ!BACANA - “Arquitetura e Urbanidade” 
Com os arquitetos Roberto Loeb e Luis Capote 
 
15 de maio, quarta-feira às 19h30 
 
Inscrições: www.arqbacana.com.br/agenda
Mais informações (11) 3078-2906
R$ 35 individual; R$ 25 para grupos de 5 ou mais pessoas - Cortesia para o professor que levar mais de 5 alunos pagantes
 
Realização: MCB e ARQ!BACANA
Patrocínio: Knauf Drywall e Securit
Apoio: SENAC SP
 
Local: Museu da Casa Brasileira 
Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano
Tel.: (11) 3032-3727
 
Acesso a pessoas com deficiência / bicicletário
Estacionamento pago no local
 
Visitas orientadas: (11) 3032-2564 / agendamento@mcb.org.br
Site: www.mcb.org.br
Redes sociais: www.facebook.com/museu.dacasabrasileira / Twitter: @mcb_org

Por: Emanuella Minari Ferreira
Fonte: Museu da Casa Brasileira
Foto: Divulgação

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Você já imaginou como seria a casa do futuro ?


    No coração da Via Tortona, no renomado Superstudio Più, a já reconhecida e nacionalmente premiada Casa do Futuro é apresentada em conjunto com uma nova linha de produtos itinerantes, assinada pela Arquiteta e Designer brasileira Betina Gomes. A Casa do Futuro é um dos mais de 20 (vinte) modelos da inovadora linha de produtos, composta de espaços comerciais, hoteleiros e de serviços, totalmente portáteis e concebidos para atender com agilidade e excelência o segmento de construções sazonais e temporárias, bem como a demanda de grandes eventos, como a Copa do Mundo do Futebol e os Jogos Olímpicos, que ocorrerão no Brasil a partir do próximo ano.


     Se até hoje era necessário construir estruturas permanentes, imobilizando empreendimentos de maneira definitiva, através deste novo conceito construtivo, o seu uso é multiplicado, através da reutilização dos espaços, e o seu investimento portanto, otimizado.
     Agilidade, excelência e um alto padrão de design e acabamento fazem parte da linha de produtos, que são produzidos com matéria prima e recursos sustentáveis, e dotados de tecnologia de ponta.
    O Cliente aponta suas necessidades e requerimentos, escolhe os produtos e a entrega é feita no local de destino. Como em um jogo de LegoTM, os módulos construtivos ou “Ilhas” são montadas em até 72hs após a sua entrega. Os módulos comerciais, de hotelaria e de serviços podem se encaixar formando um conjunto completo na forma de um complexo comercial. A agilidade do modelo construtivo reduz o tempo de implementação dos produtos, trazendo maior competitividade e retorno do investimento ao cliente.
    O Catálogo de Produtos é composto por uma variedade de estruturas construtivas categorizadas de acordo com seu segmento:
Moradia - Casa do Futuro
Hotelaria - Bangalô de Luxo, Suíte Casal Luxo, Apartamento Casal, Apartamento Solteiro e Alojamento Coletivo
Espaços Comerciais – Lojas, Boutiques, Estações Móveis de Trabalho, Coffee Shops, Spas, Sports Bars, Pubs, Bilheterias, Show Room de Vendas, Stands de Feiras.
Serviços - Espaço Kids, Lounges, Centro de Informações e Turismo, Banheiros, Vestiários, Enfermaria.



No cenário cozinha, encontra-se uma ilha no centro do espaço que divide os ambientes, equipada com eletrodomésticos exclusivos da marca brasileira Elettromec, tais como um cooktop elétrico, uma coifa retrátil e uma adega climatizada



Após o jantar, pode-se criar um ambiente perfeito para assistir um filme através do acionamento do espaço Home Theater em que um telão é baixado encima da ilha e a iluminação novamente se adapta, criando a atmosfera apropriada ao momento.



Decorado com Piso de Ônix Mel, uma pedra translúcida iluminada, há uma parede de vidro que dá visão para uma área de jardim externo.



 O confortável quarto conta com uma cama Queen Size que pode ser tanto utilizado no conceito espaço integrado ou pode-se criar um ambiente mais privativo através do
acionamento de persianas que isolam esse espaço dos demais. Ele também conta com uma pequena varanda que pode ser utilizado como um Espaço Zen, perfeito para relaxar.


Por: Emanuella Minari
Fonte: Agamais e Betina Gomes

Imagens: Divulgação


sexta-feira, 26 de abril de 2013

Encante-se com os tapetes de Nani Marquina


    A história da Nanimarquina é baseada em uma idéia muito clara:  tapetes de design. Uma intenção que se tornou uma realidade colocando em prática valores como a observação, o esforço inovador, comunicação, emoção e saber como contemporise artesanato tradicional.
    Desde suas origens em 1987, Nanimarquina foi projetar tapetes e outros produtos têxteis, com atenção especial à pesquisa de matérias-primas e processos de produção. Estes fatores enriqueceram o aspecto estético dos produtos, que são as verdadeiras estrelas que dão a marca a sua visibilidade e sucesso comercial.
    Hoje é uma das principais empresas de fabricação de tapetes, exportando 60% da sua produção. Com a segunda geração agora fazendo parte da gestão, a empresa continua a fazer, viver e oferecer design. E continua reinventando tapetes, dando-lhes novos usos, novos conceitos e brincando com elementos como cor, forma e textura. Nani traz em 2013 para o Fuori Salone, a nova linha Losangos II.
    Todos os tapetes nanimarquina feitos na Índia têm a Care & logotipo Fair, garantindo que foram fabricados sem a utilização trabalho infantil.
Nani Marquina recebe a equipe da Adesp News em seu stand no  I Saloni 2013.

Losangos - um olhar autentico

     Os irmãos Bouroullec continuaram a sua busca pela simplicidade e elegância através das losangos nova coleção. Isto é reinterpretar o tapete persa tradicional feito com a antiga técnica de kilim.
      De grande dificuldade técnica, a coleta losangos exigiu grande habilidade para a combinação de 13 cores através da forma geométrica losango, tornando-se assim um grande desafio para os artesãos do norte do Paquistão. Além de ser fabricado à mão, permite destacar algumas cores únicas e sombras que tornam cada figura diferente e cada tapete um item exclusivo.
     Os irmãos Bouroullec, apresentaram  a nova cor do tapete Losanges em bege e cinza.  A coleção é uma referência em estilo e qualidade, Losanges II foi concebido com o desejo de transmitir calma e calor usando a cor natural dos a lã afegã.
      “Estou muito orgulhoso de Losanges. Não só porque ele fornece algumas qualidades e algumas texturas que são tão difícil de alcançar em um processo industrial, mas também porque é o resultado da ordem e da encantadora desordem causada pelas sombras e as linhas quebrando a geometria dos diamantes. “Erwan Bouroullec.

Irmãos Bourollec e tapete da linha Losangos de Nani Marquina.
Stand Nani Marquina na feira I Saloni.
Tapete da Linha Losangos II em tons de bege e cinza.