sexta-feira, 26 de junho de 2015

EXPO Milão 2015



Extraordinária e única: A EXPO 2015, em Milão, que começou em 1º de maio e vai até 31 de outubro, é o maior evento do mundo para a ciência, economia e cultura. Em consonância com o lema "Alimentar o Planeta, Energia para a Vida", o objetivo da exposição deste ano é encontrar respostas para os desafios futuros da nutrição global.
Há 144 nações exibindo inovações e criatividade num espaço com cerca de 1 milhão de m². A EXPO não foi concebida apenas como uma exposição, pois os visitantes são incentivados a participar de um grande negócio. O foco é a responsabilidade da água e energia voltada para o consumo. Por essa razão, há três pavilhões que representam bem as ideias da Duravit por produtos sustentáveis.
A EXPO é projetada semelhante a uma ilha cercada por um canal de água. Cidades romanas antigas foram usadas como inspiração para a arquitetura da exposição mundial. Em conformidade com o princípio da igualdade, todos os pavilhões são criados com vista para a grande avenida principal de 1,5 km. Imponentes monumentos foram propositadamente excluídos. Por conseguinte, o Pavilhão Alemão, batizado de "Campo de Ideias", apresenta-se aberto, agradável e bem-humorado, fiel ao seu lema: "Seja ativo!". Nele, os visitantes podem ter ideias sobre soluções inovadoras para o futuro nutricional da Alemanha.
Formalmente, a arquitetura lembra um enredo de "paisagem extraído" que se ergue em um avião a uma altura de 10 metros. O pavilhão é alimentado exclusivamente por energia solar. Esse projeto vai continuar a ser sustentável mesmo depois que a estrutura temporária for desmontada, pois a maioria das peças é reutilizável.
Fornecendo produtos do seu próprio showroom em Milão, a Duravit envolveu-se no planejamento do espaço desde a etapa inicial. A empresa prestou especial atenção as ideias de produtos sustentáveis para móveis de salas de banho. Por exemplo, a bacia sanitária da Linha DuraStyle com tecnologia Rimless que possui uma abertura na argola, faz com que seja possível limpar perfeitamente a superfície interior, mesmo com quantidades mínimas de água. Com essa mesma tecnologia, o assento SensoWash também proporciona a limpeza suave após o uso.
Os confortáveis banheiros da linha DuraStyle, com desenho do italiano Matteo Thun, também são destaque no Pavilhão Eslovaco. Lá, o lema é "Eslováquia - Recarregue você mesmo". Tradições do país, como a arte moderna, são os pontos centrais do pavilhão. A energia do país é expressa em produtos e tecnologias de pesquisadores e desenvolvedores eslovacos.
O enfoque principal do Pavilhão Brasileiro é uma rede gigante, uma metáfora para a cadeia de produção alimentar da rede global. Como um dos maiores produtores e exportadores de alimentos do mundo, o Brasil escolheu como lema "Alimentar o Mundo com Soluções", na vanguarda das novas soluções tecnológicas para a produção de alimentos ecológicos. Assinadas por Philippe Starck, as Séries Starck 3 e Starck 2, presentes em banheiros e lavatórios, mostram como a modernidade atemporal e sustentabilidade andam de mãos dadas. O design inserido permanece atraente durante anos, eliminando a necessidade de substituição.


Pavilhão Alemão
Em nome do Ministério Federal da Economia e da Energia, a Messe Frankfurt é responsável pela organização e funcionamento do pavilhão alemão. O conceito, o planejamento e a implementação dele é assumido pelo Arbeitsgemeinschaft (ARGE) der Unternehmen Schmidhuber (Munique), Milla & Partner (Stuttgart), e Nüssli Deutschland (Roth bei Nürnberg). Schmidhuber é responsável pelo conceito espacial, projeto de arquitetura e planejamento geral, Milla & Partner pelo conceito de conteúdo, bem como as exposições e media design, e Nüssli responde pela execução e gerenciamento de projetos.

Pavilhão Eslovaco
O Ministério Federal da República Eslovaca da Economia anunciou publicamente o conceito do pavilhão. As ideias de Karol Kállay, Tomáš Berka e Juraj Dobročáni, apresentados por Agentura EVKA, foram bem recebidas e os arquitetos foram agraciados com o convite.

Pavilhão Brasileiro
O Studio Arthur Casas, de São Paulo, é responsável pela arquitetura e pelo design de interiores. Já a cenografia leva a assinatura do Atelier Marko Brajovic. A construção da estrutura foi coberta pelo estúdio Mosae, da Itália.

Fonte: www.duravit.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário