quarta-feira, 14 de outubro de 2015

aflalo/gasperini Arquitetos assina projetos que unem arte e arquitetura em São Paulo





Esculturas em áreas comuns de empreendimentos melhoram a paisagem urbana e entregam arte para a cidade

São Paulo, outubro de 2015 – FL4300, Berrini One e Residencial Habitarte são alguns dos projetos assinados pelo escritório de arquitetura aflalo/gasperini Arquitetos na cidade de São Paulo, que contam com esculturas incorporadas às suas áreas comuns, integradas ao espaço urbano.
Premiado recentemente no Master Imobiliário, o FL4300 (incorporado pela Stan) é um projeto de uso misto, localizado na Vila Olímpia, zona sul de São Paulo, e traz uma obra de arte assinada pelo artista plástico Artur Lescher (ver abaixo), na esquina da Avenida Faia Lima com a Rua Elvira Ferraz.



 FL4300, um conjunto de uso misto de condição urbanística única em São Paulo, constituído por três torres implantadas em formato de ‘U’ no terreno.



Já o projeto Berrini One, também premiado no Master Imobiliário, conta com um acervo artístico de três obras de arte no espaço comum. Seu atrium, com três halls, é decorado com uma obra de arte do venezuelano Cruz-Diez, figura importante da arte cinética, que criou um painel de 60m de comprimento por 3m de altura para o edifício. Há ainda no empreendimento uma escultura de Arnaldo Diederichsen e um painel de André Crespo. O Berrini One foi entregue no início deste ano. 




Outro projeto assinado pela aflalo/gasperini, o Residencial Habitarte, também traz uma escultura que é uma obra de arte assinada pelos renomados designers Fernando e Humberto Campana. 

Presente de forma orgânica neste projeto, a escultura fica no vão livre entre as torres residenciais, e dada a sua dimensão poderá ser vista de vários pontos da cidade, dando à obra uma escala urbana sem precedentes em São Paulo.

Da junção das palavras Habitação e Arte, o nome do empreendimento foi escolhido por valorizar estas duas importantes características. A primeira fase do Habitarte, já em construção, está de frente para a Rua Nova York e sua composição se dá pelo volume de dois edifícios, conectados ao nível do térreo, através da vitrine dos halls de elevadores, e pela cobertura, onde ficam as áreas de lazer que são de uso comum às duas torres. 



Edifício com uma linguagem definida por linhas retas e “caixas” que enquadram os apartamentos em alturas diferentes



Para a aflalo/gasperini, que tem incorporado o uso da arte em seus projetos, este é um caminho importante para valorizar os empreendimentos. “Compreendemos que essa fusão entre arte e arquitetura pode transformar esses locais em pontos de referência na cidade, a serem usufruídos pelos moradores e visitados pela população.” acredita Grazielli Gomes, sócia-diretora da aflalo/gasperini.


 SOBRE A AFLALO/GASPERINI

Fundada em 1962 como Croce Aflalo e Gasperini, a aflalo/gasperini arquitetos une tradição e inovação na busca de soluções arquitetônicas. Em pouco mais de 50 anos, o escritório assinou marcos como o edifício-sede da IBM e o Tribunal de Contas, em São Paulo (SP), o Teatro Claudio Santoro, em Campos de Jordão (SP), e o Edifício Peugeot em Buenos Aires. Os projetos do escritório são destinados a diferentes usos aos setores comercial, de serviços, residencial, hoteleiro, público e social, recreacional e industrial. Apesar da versatilidade, os projetos seguem uma linha de trabalho calcada na pesquisa de materiais e precisão técnica. O trabalho vai desde a pesquisa e análise de restrições, programação, pré-dimensionamento e planejamento físico, ao projeto arquitetônico completo, de reforma, planos urbanísticos e de paisagismo, coordenação de projetos complementares, fiscalização e acompanhamento da obra e desenhos de apresentação. Os líderes de nossos projetos são todos formados em escolas de primeira linha, com extensões no Brasil ou no exterior, com anos de experiência de mercado e, acima de tudo, têm pleno domínio da cultura aflalo/gasperini.www.aflalogasperini.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário