terça-feira, 30 de junho de 2015

Portal Girodecor mostra últimas tendências da decoração

Para saber as últimas tendências da decoração e ficar por dentro das melhores idéias, geralmente o público realiza diversas pesquisas na internet, justamente para se inspirar e criar algo inovador em sua casa. Para manter estas pessoas informadas e divulgar o trabalho de profissionais renomados, nasceu o Portal Girodecor, especializado em decoração.
Além das notícias do setor, o público também poderá conferir novidades em tudo que abrange este mercado, como design, paisagismo, arquitetura e eventos. “O lançamento do portal surgiu da necessidade de termos uma atuação maior nas mídias digitais e proporcionar informação ao público final. Se pararmos para analisar, o mercado estava muito carente disso, pois a maioria é voltado para profissionais ou empresas do setor”, afirma Antonio Baldini, Diretor da Editora Stock Company, responsável pelo projeto.
No site também terá a opção de ver a edição digital da Revista Contemporânea Magazine e o anuário de decoração “Stock Home & Office" gratuitamente. Para conferir as novidades, basta acessar o site www.girodecor.com.br
 
Fonte: Estilo Press - Euracy Campos

Lançamento - Ecossistemas Urbanos

Saiba mais no site http://www.ofitexto.com.br/ecossistemas-urbanos/p?utm_source=lancamento-ecossistemas-urbanos-26-06-2015&utm_campaign=lancamento&utm_medium=email !

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Depoimentos

'Eu estou aqui para parabenizar [...] pelo que vocês fizeram aqui: Arquitetos, Designers de Interiores e Construtores reunidos com um objetivo em comum.' -Vitório Junior, Empresário e Publicitário

Depoimento

'Esses encontros estão chamando atenção de todos, principalmente do segmento da Construção Civil, da Arquitetura de Interiores e da Decoração.' -Roberto Spina, Arquiteto e Vice-Presidente Cultural

Depoimento

'A ADESP é a primeira entidade que representa, ao mesmo tempo, todos os setores do mercado de Design de Interiores.' -Patricia de Mello, Arquiteta e integrante da Diretoria da ADESP

Depoimentos

'A ADESP é a primeira entidade representativa do setor de Arquitetura e Decoração [...]' -Ita Rodrigues, Designer de Interiores

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Depoimentos

Por dialogar constantemente com todos os participantes do mercado de decoração, a ADESP é a única efetivamente capaz de defender a prosperidade deste mercado como um todo. Nossa visão sempre será ampla e voltada aos valores que acreditamos ser imprescindíveis neste e em qualquer outro mercado: a transparência e ética profissional, a inovação e a melhoria contínua tanto profissional quanto pessoal dos envolvidos. - Daniela Colnaghi, Vice-Presidente de Marketing e Designer de Interiores

Madeira e Tecnologia ditam o tom da Rio + Design em Milão

O talento dos designers brasileiros estará em exposição, pelo sétimo ano consecutivo, juto à na Rio + Design 2015, em Milão. A mostra reúne os principais expoentes do design, além de novos talentos, que, desde 2009 ganham destaque na feira italiana. Com o tema “madeira e tecnologia no design do Rio de Janeiro”, a mostra acontecerá de 13 a 19 de abril num espaço de 300 metros quadrados na Via Tortona, simultaneamente ao Salão Internacional do Móvel de Milão, na Itália, considerado um dos eventos mais importantes para o setor mundialmente.
 A mostra Rio + Design é promovida pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, em parceria com a Firjan e o Sebrae-RJ. A exposição conta com duas edições anuais, uma em Milão e outra no Rio de Janeiro, no segundo semestre.

A seleção das peças que estarão na exposição levou em conta a utilização de madeira sustentável como principal material de produção da peça. Além disso, também foi destacada a inovação do design e o uso da tecnologia para oferecer soluções inteligentes ao produto final. São trabalhos que vão desde processos para aumentar a eficiência da produção de campos de petróleo offshore, por exemplo, até design gráfico, passando móveis, joias, entre outros.

“Neste ano, a participação dos designers foi focada na geração de negócios. Teremos uma agenda para encontros dos nossos designers com empresários para promover a realização de negócios, seja por meio de joint venture ou de vendas diretas. Esse será o diferencial dessa edição que, a cada ano que atrai mais a atenção do mercado nacional e internacional para os trabalhos e escritórios que participam da mostra”, diz a subsecretária estadual de Comércio e Serviços, Dulce Ângela Procópio.

Ela destaca o projeto "Gota", uma parceria da NEXT PUC-RIO e FMC Technologies do Brasil, que tem conceito inovador para a exploração de petróleo e gás natural no fundo do mar. "O fator estético aliado ao conforto se destaca sempre, mas agora mostramos a alta tecnologia associada ao design, que é um diferencial dos designers fluminenses. O produto desenvolvido pelo núcleo da PUC é um bom exemplo em que encontramos, no design, solução para tornar a exploração offshore mais prática e eficiente", explica Dulce Ângela.
 A rotina dos designers fluminenses – do processo criativo à tecnologia utilizada no desenvolvimento dos produtos – ganhará destaque na exposição deste ano. Vídeos exibindo o trabalho de 12 designers, entre eles, Guto Índio da Costa, Ricardo Leite, Zanini de Zanine e Marzio Fiorini, serão exibidos no estande.

Fonte: Néctar - Renata Justi

EXPO Milão 2015



Extraordinária e única: A EXPO 2015, em Milão, que começou em 1º de maio e vai até 31 de outubro, é o maior evento do mundo para a ciência, economia e cultura. Em consonância com o lema "Alimentar o Planeta, Energia para a Vida", o objetivo da exposição deste ano é encontrar respostas para os desafios futuros da nutrição global.
Há 144 nações exibindo inovações e criatividade num espaço com cerca de 1 milhão de m². A EXPO não foi concebida apenas como uma exposição, pois os visitantes são incentivados a participar de um grande negócio. O foco é a responsabilidade da água e energia voltada para o consumo. Por essa razão, há três pavilhões que representam bem as ideias da Duravit por produtos sustentáveis.
A EXPO é projetada semelhante a uma ilha cercada por um canal de água. Cidades romanas antigas foram usadas como inspiração para a arquitetura da exposição mundial. Em conformidade com o princípio da igualdade, todos os pavilhões são criados com vista para a grande avenida principal de 1,5 km. Imponentes monumentos foram propositadamente excluídos. Por conseguinte, o Pavilhão Alemão, batizado de "Campo de Ideias", apresenta-se aberto, agradável e bem-humorado, fiel ao seu lema: "Seja ativo!". Nele, os visitantes podem ter ideias sobre soluções inovadoras para o futuro nutricional da Alemanha.
Formalmente, a arquitetura lembra um enredo de "paisagem extraído" que se ergue em um avião a uma altura de 10 metros. O pavilhão é alimentado exclusivamente por energia solar. Esse projeto vai continuar a ser sustentável mesmo depois que a estrutura temporária for desmontada, pois a maioria das peças é reutilizável.
Fornecendo produtos do seu próprio showroom em Milão, a Duravit envolveu-se no planejamento do espaço desde a etapa inicial. A empresa prestou especial atenção as ideias de produtos sustentáveis para móveis de salas de banho. Por exemplo, a bacia sanitária da Linha DuraStyle com tecnologia Rimless que possui uma abertura na argola, faz com que seja possível limpar perfeitamente a superfície interior, mesmo com quantidades mínimas de água. Com essa mesma tecnologia, o assento SensoWash também proporciona a limpeza suave após o uso.
Os confortáveis banheiros da linha DuraStyle, com desenho do italiano Matteo Thun, também são destaque no Pavilhão Eslovaco. Lá, o lema é "Eslováquia - Recarregue você mesmo". Tradições do país, como a arte moderna, são os pontos centrais do pavilhão. A energia do país é expressa em produtos e tecnologias de pesquisadores e desenvolvedores eslovacos.
O enfoque principal do Pavilhão Brasileiro é uma rede gigante, uma metáfora para a cadeia de produção alimentar da rede global. Como um dos maiores produtores e exportadores de alimentos do mundo, o Brasil escolheu como lema "Alimentar o Mundo com Soluções", na vanguarda das novas soluções tecnológicas para a produção de alimentos ecológicos. Assinadas por Philippe Starck, as Séries Starck 3 e Starck 2, presentes em banheiros e lavatórios, mostram como a modernidade atemporal e sustentabilidade andam de mãos dadas. O design inserido permanece atraente durante anos, eliminando a necessidade de substituição.


Pavilhão Alemão
Em nome do Ministério Federal da Economia e da Energia, a Messe Frankfurt é responsável pela organização e funcionamento do pavilhão alemão. O conceito, o planejamento e a implementação dele é assumido pelo Arbeitsgemeinschaft (ARGE) der Unternehmen Schmidhuber (Munique), Milla & Partner (Stuttgart), e Nüssli Deutschland (Roth bei Nürnberg). Schmidhuber é responsável pelo conceito espacial, projeto de arquitetura e planejamento geral, Milla & Partner pelo conceito de conteúdo, bem como as exposições e media design, e Nüssli responde pela execução e gerenciamento de projetos.

Pavilhão Eslovaco
O Ministério Federal da República Eslovaca da Economia anunciou publicamente o conceito do pavilhão. As ideias de Karol Kállay, Tomáš Berka e Juraj Dobročáni, apresentados por Agentura EVKA, foram bem recebidas e os arquitetos foram agraciados com o convite.

Pavilhão Brasileiro
O Studio Arthur Casas, de São Paulo, é responsável pela arquitetura e pelo design de interiores. Já a cenografia leva a assinatura do Atelier Marko Brajovic. A construção da estrutura foi coberta pelo estúdio Mosae, da Itália.

Fonte: www.duravit.com.br

O que arquitetos e engenheiros devem saber antes de abrir um escritório?

Após pesquisar o mercado, planejar as finanças, analisar as possibilidades, é hora de abrir o próprio escritório. Mas diante de todos os planos, o profissional depara-se com uma série de siglas, planilhas, alvarás, livros, taxas e muitos outros documentos, até então desconhecidos.
Para aqueles que não têm experiência em administração de negócios ou contabilidade, esse primeiro momento da abertura de um negócio pode parecer um bicho de sete cabeças.

Confira as dicas de Telmon Oliveira, da Prolink Contábil:

Não basta gostar do negócio a ser aberto, o empreendedor deve ter conhecimento e saber se ele é viável para o bolso. Assim, deve pensar se o empreendimento será lucrativo;
Avalie a concorrência e crie um diferencial, além de manter um padrão excelente de atendimento;
Conheça todas as etapas financeiras, para que controle receitas e despesas. Assim, o arquiteto ou engenheiro consegue saber quanto investir e em quais setores gastar ou não, além de avaliar periodicamente o capital de giro, para não precisar fazer empréstimos;
Treine seus funcionários para que eles entendam muito sobre o escritório;
Busque um especialista em contabilidade. Uma assessoria competente irá cuidar dessa parte, que envolve impostos, tributos e taxas. Além disso, uma boa parceria dará uma visão maior e detalhada sobre o negócio, antevendo problemas permitindo assim que o empreendedor possa se concentrar em crescer e aumentar as receitas.


Fonte: www.prolinkcontabil.com.br

CASA COR CAMPINAS 2015 apresenta modelo diferenciado de construção


O Grupo CASA COR INTERIOR SP, pertencente à CASA COR, maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas, acaba de anunciar que a CASA COR CAMPINAS 2015 terá como sede duas novas mansões, que serão construídas especialmente para a mostra, com pegada 100% sustentável, utilizando o que há de mais novo no mercado quando o assunto é arquitetura, decoração e sustentabilidade.
Os projetos são assinados por duas duplas de arquitetos da cidade, Adriana Consulin e Izilda Moraes e Daniele Guardini e Adriano Stancati, vencedores dos prêmios de melhor ambiente CASA COR CAMPINAS nos anos de 2014 e 2013, respectivamente. De acordo com Adriane Salomão Sanna, Diretora de Relacionamento da CASA COR CAMPINAS, o grande destaque fica por conta do processo construtivo das casas, totalmente inovador e ecologicamente responsável. “As mansões serão construídas com foco na construção limpa, ecologicamente sustentável e com sistemas de reutilização de água. Queremos reduzir em 80% o número de resíduos da construção”.
Saem tijolos, vigas e pilares, entra o EPS armado - A novidade é que, pela primeira vez na RMC (Região Metropolitana de Campinas), casas de alto padrão serão construídas com painéis monolíticos de EPS integrados a malhas de aço galvanizado que substituem a alvenaria estrutural ou alvenaria de vedação. “O material é inovador, seguro e ecoeficiente, indicado para todos os tipos de edificações. Entre os muitos benefícios, o material permite que todo o processo seja otimizado com a redução no tempo de execução e na mão-de-obra. Nós erguemos 906 metros quadrados de paredes em uma semana, com apenas quatro pessoas. Uma obra desse porte, em uma construção convencional, seria construída em no mínimo um ano, mas construiremos em apenas cinco meses e com metade da mão de obra”, explica um dos engenheiros responsáveis pela obra, Frederico Barreto.

“A facilidade se estende ao transporte e manuseio do material, que é leve e compacto. Outro benefício é o isolamento térmico e acústico que, em tempos de crise energética, este diferencial contribui para a valorização do empreendimento. Outra característica refere-se ao número de resíduos e limpeza da obra. Em uma obra convencional usaríamos cerca de 80 caçambas, com este material estimamos usar apenas duas, contribuindo para a preservação do meio ambiente. A execução elétrica e hidráulica também é simples. É possível colocar tudo antes de fazer a projeção do concreto, basta cortar a malha, derreter o isopor com soprador térmico, recolocar a malha novamente e pronto”, conta o Engenheiro Civil, Marcos Zafalon.
Segundo Adriano Stancati, um dos profissionais que assina uma das mansões, esse material, que já é muito utilizado na construção civil em diversos países, vai revolucionar o sistema construtivo brasileiro. “Paredes de EPS com malha metálica e microconcreto projetado proporcionará uma construção rápida, sem desperdícios e eficiente”, explica Stancati.
O projeto do casal Adriano Stancati e Daniele Guardini apresenta uma casa contemporânea e arrojada, onde a integração com a natureza poderá ser percebida em alguns detalhes. “A fachada revestida em pedra é intimista e reservada, mantém o interior da casa totalmente escondido, sem aberturas para a rua, garantindo a privacidade dos moradores.  Em contraponto, a fachada posterior é devassada e permite a ampla visão de todo entorno e a total integração entre o interior e o exterior, onde ficará a piscina e o jardim. A distribuição dos ambientes reforça a praticidade do dia a dia da casa”, explica Daniele.
Adriana Consulin e Izilda Moraes também apresentam uma arquitetura contemporânea abusando da transparência dos grandes panos de vidros, possibilitando a integração do interior com a paisagem. “O projeto foi pensado levando em conta o uso da casa pelos possíveis moradores de forma social e íntima ao mesmo tempo, sendo independentes uma das outras. Privilegiamos o ato de receber bem e reunir as pessoas, proporcionando um clima acolhedor e confortável. Repleta de conforto, tecnologia, beleza e requinte, a casa resgata sofisticação aliada à funcionalidade”, conta Adriana.
O tema nacional da CASA COR deste ano é “Brasilidade” e também será trabalhado na edição campineira. “Queremos destacar o que temos de melhor no nosso país, trazendo influências e ícones da nossa cultura, arte, objetos e cores para o mundo da arquitetura, decoração e paisagismo”, afirma Adriane Salomão Sanna.

Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA: FONTE COMUNICAÇÃO

Reforma: Norma exige laudo técnico para execução

Segundo a arquiteta Renata Marques, que conta com vasta experiência na área técnica, essa exigência veio trazer mais segurança para todos os envolvidos área da construção civil. “Essa regra veio regularizar um aspecto muito importante do segmento de arquitetura e engenharia. A reforma mal projetada pode interferir em características estruturais e oferecer danos para a edificação, incluindo riscos de desabamento, podendo gerar vítimas fatais”, explica.
Na história recente existem registros de diversos casos de obras mal executadas que resultaram em acidentes e mortes, sendo que um dos desabamentos com maior repercussão foi o do Prédio Liberdade, ocorrido em janeiro de 2012 no Rio de Janeiro. “A retirada de uma parede, por exemplo, pode ocasionar sérios prejuízos à edificação, se ela estrutural. Portanto, é fundamental que o contratante certifique-se de que os arquitetos e engenheiros que acompanham a execução da obra têm registros válidos junto às respectivas entidades de classe, CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo) e CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia)”, enfatiza Renata.
Além da necessidade de laudo técnico, a ABNT NBR 16.280 prevê outros procedimentos, como:
Exigência de apresentação ao síndico, antes do início da obra, do plano de reforma e documentação pertinente;
Atendimento das normas de segurança durante o andamento da obra;
A entrada de materiais e pessoas contratadas para a execução da obra deverá ser autorizada, ou não, pelo síndico;
A documentação oriunda de qualquer tipo de reforma deverá ser arquivada pelo síndico;
Obras que não representem risco à segurança, como pintura, estão isentas da apresentação de laudo técnico, mas deverão ser documentadas e seguir as regras internas do condomínio;
O síndico, condômino ou proprietário poderão ser responsabilizados civil, administrativa e, até mesmo, criminalmente por danos eventualmente decorrentes da não observância desta norma.

Fonte: www.renatamarques.com.br

Num Tronco - Ao longo do rio durante o Festival Qingming



A China tem uma longa tradição em esculturas de madeira. Há séculos,  seus mestres do cinzel vêm transformando pedaços de madeira bruta em obras de arte inspiradoras, mas nenhuma tão impressionante como a criação alucinante de Zheng Chunhui. Este talentoso artista chinês passou os últimos quatro anos esculpindo uma réplica detalhada da famosa pintura tradicional chinesa chamada "Ao longo do rio durante o Festival Qingming", num tronco de árvore de pouco mais de 12 metros de comprimento.
A beleza do seu trabalho simplesmente não pode ser expressa em palavras.  Como é possível imaginar, Zheng Chunhui precisou de uma montanha de paciência para completar a sua obra-prima, que exibe barcos, pontes, edifícios e mais de 550 pessoas esculpidas.
Além da admiração de todos quando viram a escultura de perto no Museu do Palácio de Beijing, o artista chinês também foi homenageado pelo Guinness Book com o novo recorde mundial para a mais longa escultura em madeira, que mede 12,286 metros de comprimento, 3,075 metros de altura e 2,401 m de largura.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Desconto para Associados na CASA COR


Atenção associados ADESP! Os associados que apresentarem a carteirinha no ato da compra do ingresso da CASA COR São Paulo, recebem 30% de desconto!
Promoção válida até 12 de julho, aproveitem!

sexta-feira, 19 de junho de 2015

MOSTRA MODERNOS & ETERNOS TEM AMBIENTE ASSINADO POR FABIO MOROZINI NO SHOPPING D&D



O shopping D&D recebe o décimo ambiente da Modernos & Eternos - com direção geral de Maria di Pace e curadoria de Sergio Zobaran -, assinado pelo arquiteto Fabio Morozini. O projeto faz parte da mostra que se realiza no di Pace Arte & Design (ali com nove ambientes), a qual faz uma justa homenagem aos designers de tecidos Attilio Baschera e Gregorio Kramer, ícones da decoração no país. A estreia no shopping ocorre no mesmo dia 18/6, quando a Modernos também abre ao público no Jardim Guedala, e fica em cartaz até o dia 28 deste mês, em paralelo ao seu corpo principal.
“A ideia inicial para o espaço é ter dois grandes lounges e um ponto focal no centro, com uma grande mesa francesa em madeira e um super arranjo de flores. O espaço foi pensado para um colecionador de arte que rodou o mundo, apreciador das colônias French Indochina do século 18”, explica o arquiteto Fabio Morozini.  
Mais sobre o espaço
O ambiente apresenta peças originais dos séculos 18 e 19 e atuais, misturadas com vasos em porcelana, banquetas revestidas em tapetes persas, quadros de mapas mundi nas paredes, bem como partes de um biombo com motivos orientais esculpidos em grandes proporções. O espaço vai receber também sofás em capitoné de couro marrom, poltronas antigas de madeira preta e veludo cinza, além de mesas de centro em laca e motivos orientais. “Este espaço pode ser o escritório de um advogado, a diretoria de uma grande construtora ou até uma ante sala da presidência de uma mineradora”,  conta Morozini.
Sobre Modernos & Eternos
Maria e Zobaran convidaram dez escritórios de arquitetura e design de interiores da cidade e do País (há representantes de Brasília, Salvador e Porto Alegre) que se integram na grande área expositiva do di Pace. São eles: Luiz Otávio Debeus, que vai montar a homenagem a Attilio e Gregorio com peças de Juliana Benfatti; Henrique Steyer para Espaço Cardeal; Samuel Lamas para Artemobília; Diego Revollo para Ana Luiza Wawelberg; Marcela Penteado e Kika Mattos para Legado Arte; Triplex Arquitetura para Kesley Caliguere; Suite Arquitetura para Loja Téo, e Marcelo Borges e Arthur Athayde, da MA Interiores, para o antiquário Began. A arquiteta-paisagista Heloisa Botelho Caparica assina a área externa com plantas e um deck de pallets, além de móveis contemporâneos da MAC Móveis e da Casual. Os ambientes têm livre criação, e contam ainda com objetos e móveis autorais, e ainda revestimentos contemporâneos de grandes marcas.

Fonte: Visar Planejamento - Marcela Lima  

UNINOVE - Praça Móvel

Alunos de 11 turmas do 3º semestre de Arquitetura da UNINOVE projetam mobiliário sustentável para ampliar convívio em hospitais públicos

Inspirados na requalificação dos espaços públicos com a implantação dos Parklets* na cidade de São Paulo, 715 alunos, de 11 turmas, do 3º semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo, projetaram e executaram 11 praças móveis, denominadas como móvel+praça+móvel, trabalhos inseridos no Projeto de Extensão do curso, associados à disciplina denominada Desenho do Objeto.

O MÓVEL+PRAÇA dos futuros profissionais é feito de sarrafos de pinus autoclavado de reflorestamento e tratado, nas dimensões de 10 metros de comprimento por 2 metros de largura. Material adequado ao uso externo, de baixo custo, fácil de trabalhar e modular, de linguagem contemporânea e sustentável, além de trazer pouco impacto ambiental.

Currículo que humaniza

Para se adequar às necessidades pedagógicas e limitações físico/temporais da disciplina Desenho do Objeto, foi estruturada a adoção de um raciocínio modular. Cada turma foi dividida em 4 grupos, sendo cada grupo responsável por um módulo base de 1,80m por 1,80m.
Além do projeto, os alunos de grupos diferentes compuseram diferentes módulos, e todos dialogam entre si em suas funções, conceitos e encaixes.
O uso coletivo dos equipamentos está associado ao Sentar (bancos e cadeiras); ao Apoiar (mesas e bancadas); ao Cultivar (dos espaços reservados para a instalação de vasos e hortas); e, do Conviver (através do espaço de integração).
Além de ser componível, cada módulo deve e pode se relacionar com outro módulo, por meio de pelo menos 3 faces. Veja como o MÓVEL+PRAÇA foi concebido:

Criação compartilhada: da Universidade para o Hospital Público
Há 20 anos o curso de Arquitetura da Universidade Nove de Julho estimula em seus alunos o exercício da intervenção estética, funcional e de caráter social. O fruto da criação coletiva de um semestre culminou com uma exposição no saguão da universidade, impactando em toda a comunidade do campus Memorial.

Ao final do semestre, ainda em junho, os equipamentos do MÓVEL+PRAÇA serão compartilhados nos 5 megacampi da UNINOVE (Vila Maria, Vergueiro Memorial, Santo Amaro e Vila Prudente) para usufruto de alunos e comunidade acadêmica. E os outros equipamentos do MÓVEL+PRAÇA serão doados ao Conjunto Hospital do Mandaqui e ao Hospital do Ipiranga, para compor e humanizar o convívio de quem precisa destes hospitais públicos.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Magali Romboli

Curso Projetar e Construir LSF - Mictech


Saiba mais em: http://www.mictech.com.br

DESIGN BRASILEIRO MARCA PRESENÇA NO FESTIVAL CANNES LIONS

O evento acontece entre os dias 21 e 27 de junho, em Cannes, França

A Associação Brasileira de Empresas de Design (Abedesign) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), por meio do projeto Brasil Design, participa pelo sétimo ano consecutivo do Festival Cannes Lions, o maior festival de criatividade do mundo. O objetivo é solidificar a imagem do Brasil como expoente no setor de design.

Através de parceria da Apex-Brasil, a campanha de comunicação deste ano, criada pela F/Nazca Saatchi&Saatchi, tem como objetivo valorizar a imagem do Brasil em Cannes. A campanha “Fake Facts”, utilizada conjuntamente pela ABEDESIGN e APRO, desconectam os estereótipos do Brasil e evidenciam os atributos de cada setor.

Por meio do projeto, foram subsidiadas 21 inscrições de peças na categoria Design. Além disso, dez empresas brasileiras terão suas inscrições subsidiadas pelo projeto. A associação realizará ainda, uma ação de relacionamento no Cannes Lions Beach, espaço do festival localizado na praia. A expectativa é que mais de 100 convidados internacionais participem do encontro, possibilitando a interação e troca de experiências com os representantes brasileiros.

“O Festival Cannes Lions é uma vitrine para o mundo. Mesmo sendo uma ação diretamente relacionada a imagem, a ação do Brasil Design tem como objetivo estreitar o relacionamento entre as empresas brasileiras de design e importantes nomes internacionais”, destaca a gerente executiva da ABEDESIGN, Anna Carolina Maccarone.

A participação do Brasil Design no Cannes Lions tem a coordenação geral de Gustavo Greco, da NewGreco. O Brasil Design at Cannes Lions Beach será realizado no dia 24 de junho de 2015, às 16h.

Projeto Brasil Design
O Brasil Design é o Projeto Setorial Integrado de Promoção de Exportações dos Serviços de Design Brasileiro realizado em parceria pela Apex-Brasil e pela ABEDESIGN. Criado em 2006, tem como objetivo inserir o design brasileiro no mercado internacional, oferecendo ações orientadas para a promoção de exportação, posicionamento e construção de imagem, internacionalização e produção de inteligência comercial aos empresários do ramo. Além disso, visa contribuir para a criação de uma cultura do design brasileiro, a partir da construção de uma visão detalhada do setor, com seleção de mercados-alvo, visibilidade do potencial do design nacional e possibilidade de geração de negócios. Para participar do projeto, o interessado deve entrar em contato pelo e-mail abedesign@abedesign.org.br.

Fonte: Link Comunicação Empresarial - Boulanger Campos

Depoimentos

"Eu realmente estou muito feliz com esse respaldo que a ADESP está nos dando, e realmente acreditando." -Semara Brito, Designer de Interiores

Depoimentos

"Uma iniciativa muito boa dos profissionais que estão fazendo, e espero que nossa profissão seja mais reconhecida" -Sueli Zapparoli, Designer de Interiores

Depoimentos

"Acho incrível essa iniciativa da ADESP de moralizar a profissão em termos da RT, que sempre foi uma coisa nebulosa no mercado." -Lenita Ferrari, Arquiteta

Depoimentos

"As pessoas exigem que a gente seja mais transparente, e para nossa profissão principalmente. A gente lida com o ser humano, e estamos dentro da residência dele, do trabalho dele, é importante que ele se sinta seguro em ter um profissional que vai zelar por aquilo que ele deseja." -Luana Mattos, Designer de Interiores

Depoimentos

"Me sinto muito feliz por essa iniciativa, trabalhar com ética é trabalhar com liberdade" -Luciana Tomas, Arquiteta

Depoimentos

"Gostei muito de ter participado hoje desse evento, porque foi bem especificado sobre as nossas responsabilidades que são importantíssimas." -Lidia Damy Sita, Designer de Interiores

Depoimentos

"Uma nova era começou, um movimento está nascendo e nós da ADESP temos muito orgulho de termos hasteado esta bandeira." -Andrea Casarin, Arquiteta e integrante da Diretoria da ADESP

Ibratin oferece cursos com demonstrações dos produtos da Linha Elegance

Empresa aposta em especialização para ensinar consumidores e profissionais
Com a finalidade de aperfeiçoar a experiência de pintores, arquitetos e consumidores finais a Ibratin, marca de tintas e líder em revestimentos texturizados, apresenta “Os cursos demonstrativos”, que ensinam como aplicar os produtos da Linha Elegance para realizar os efeitos Manchado, Aveludado, Cimento Queimado, Marmorizado, Aveludado com brilho suave e Estrelado, corretamente obtendo o resultado desejado.
Com 4 mil profissionais treinados, a implementação dos cursos começou em fevereiro do ano passado, e desde então a empresa vem investindo nesse projeto para aperfeiçoa-lo e estrutura-lo para melhor atender as necessidades de seu público. As aulas são voltadas aos acabamentos da linha e acompanham a evolução dos produtos e seus lançamentos. As inscrições podem ser feitas diretamente no site da Ibratin.
“Em todos os cursos, os profissionais que já têm experiência em trabalhar com tintas saem em condições de aplicar os efeitos e, em caso de dúvida, podem contar com os vídeos que disponibilizamos na internet ou entrar em contato com nossos vendedores técnicos. O mais importante é que estes profissionais terão acesso a técnicas e produtos diferenciados, que trazem não só um acabamento refinado para o consumidor, como melhor ganho para estes pintores, já que são técnicas novas”, ressalta Marcelo Sampaio, Gerente Nacional de Vendas e Varejo da Ibratin, sobre a importância das aulas.
A marca conta também com alguns cursos rápidos realizados aos domingos, no meio do setor de pintura das lojas de Home Center, que existem para aguçar a curiosidade do consumidor, que posteriormente volta e agenda um curso para reciclar os conhecimentos e ter um maior contato com os produtos.
O lançamento desta linha foi feito após um grande processo de estudo e pesquisa realizado em 2013, onde foram levantados os melhores acabamentos, cores e embalagens.
A empresa tem como objetivo treinar e profissionalizar o maior número de pessoas. Esse curso é mais uma ferramenta para ajudar na consolidação da marca que agora apresenta soluções inovadoras também para o varejo.
“Estamos desenvolvendo uma especialização modular com maior duração para poder comprovar esse aprendizado em certificado, através de uma prova prática”, comenta o Gerente Nacional de Vendas e Varejo da Ibratin.
Para mais informações acesse: www.ibratin.com.br

Fonte: Estúdio de Comunicação

CasaPRO convida para o evento 'Fundação Ema Klabin promove palestra sobre Jean-Baptiste Debret'

Horário: 20 junho 2015 de 10:00 a 12:00
Local: Fundação Ema Klabin

A Fundação Ema Klabin em parceria com o Departamento de História da Arte da UNIFESP,  promove no próximo sábado, 20 de junho, às 10h,  a palestra: Jean-Baptiste Debret e a representação da corte no Brasil, com entrada franca.
Dentre os campos explorados por Debret, o encontro destaca os gêneros retrato e pintura da história. Será campo de debate e estudo as aquarelas sobre a vida social luso-brasileira, que integram sua Viagem Pitoresca e Histórica ao Brasil.
Sobre a palestrante:  Elaine Dias, Doutora em História pela UNICAMP, docente no Departamento de História da Arte da UNIFESP. Dedica-se em suas pesquisas, às relações entre a França e o Brasil no século XIX.
Serviço:
20 de junho - Palestra Jean-Baptiste Debret e a representação da corte no Brasil.  
Palestrante: Elaine Dias
Horário: 10h às 12h
Vagas: 30
Entrada: franca
Inscrições pelo e-mail:  cursos@emaklabin.org.br, ou pelo telefone 11 3062-5245 ou 3897-3232
Fundação Ema Klabin: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo

Fonte: http://emaklabin.org.br/

Depoimentos

"Essa transparência que a gente quer passar para todos profissionais, para todos os lojistas e, principalmente, sobre os clientes, é falar sobre a RT abertamente." -Angela Tasca, Designer de Interiores

Depoimentos

"Tem que haver uma transparência, uma honestidade, um padrão bacana que favoreça nossa profissão e nos traga mais respeito." -Paula Sant'Anna, Designer de Interiores

Depoimentos

"Mais uma vez aqui no encontro da ADESP, não pode faltar, super importante para nossa profissão." -Simone Goltcher, Arquiteta

Depoimentos

"É com muito orgulho, com muito prazer que eu faço parte de um grupo que realmente vem pra unir, organizar e falar de assunto importante para todos [da área de decoração]." -Ana Lucia Forte, Designer de Interiores e integrante da Diretoria da ADESP

Depoimentos

"A ADESP está fazendo um trabalho essencial de juntar todos os decoradores, designers de interiores e arquitetos, que é um trabalho muito solitário, e como temos esse grupo, temos a força" -Fábio Miranda, Diretor da MaxPrime Design

Depoimentos

"Essa transparência se torna fundamental para que a nossa profissão volte a ser uma profissão reconhecida pelo mercado." -Ana Maria Wey

terça-feira, 9 de junho de 2015

Mostra Black retoma estética dos anos 50



A Mostra Black está de volta esbanjando requinte no Parque do Ibirapuera. O evento paulistano, aberto hoje (02) para a imprensa, marca presença na Oca com 14 ambientes e profissionais consagrados como João Armentano, Roberto Migotto e Camila Klein. Além de investirem no luxo, os arquitetos da exposição reforçaram a importância do modernismo na arquitetura e no design do Brasil. Profissionais como Juliana Vasconcellos, Guilherme Torres e Maximilano Crovato buscaram referências nas décadas de 1950 e 1960 e montaram espaços com obras icônicas como o banco “Marquesa” de Oscar Niemeyer.

O espaço conceitual de Guilherme Torres foi inspirado na estética dos anos 1960, onde os móveis eram marcados por pés palitos e cores pastel. O arquiteto também valorizou a presença de cores fortes (como vermelho e azul) e inovou ao revestir paredes com espumas de neoprene, além de valorizar o tapete do ambiente ao pendurá-lo na parede. Outro profissional que investiu no décor dos anos dourados foi designer de interiores Maximiliano Crovato. Seu espaço ganhou delicadeza com o rosa pastel nas paredes e nos móveis de cantos arredondados. “Quis fazer uma sala real, agradável e aconchegante. Por isso, apostei no rosa que é uma cor marcante e suave”, afirma.

A mostra paulistana ganhou ainda mais glamour com a mistura do retrô e da estética futurista de Juliana Vasconcellos e Matheus Barreto. Os profissionais fizeram um ambiente com sofá de formato arredondado e mesa fabricada com aço inox da Mekal. “Planejamos o espaço para haver a retomada das curvas sinuosas e sensuais do modernismo brasileiro dos anos 60 e a valorização do conceito futurista dos metalizados”, diz Juliana. Niemeyer foi homenageado também pelo escritório Triplex Arquitetura. As arquitetas Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo projetaram, em parceria com a Deca, quatro banheiros – que ficarão no prédio após o evento – com traços evidentes da estética modernista.


Fonte: http://www.arkpad.com.br/blog/decoracao/mostra-black-retoma-estetica-dos-anos-50/?utm_source=Geral+Arkpad&utm_campaign=cd4d462575-NEWSLETTER_03_06&utm_medium=email&utm_term=0_c9ef76d303-cd4d462575-211038325#sthash.kaJYEypE.dpuf

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Mostra Black na Oca


Louge do Sedutor por Roberto Migoto
 Refúgio Urbano por Débora Aguiar
 Sala do Pavão por Maximiliano Crovato
 Apartamento Black por Suite Arquitetura

De 3 a 21 de junho, acontece em São Paulo, na Oca do Ibirapuera, a edição 2015 da MostraBlack. São 3.000 m2 de projeto expositivo – assinado por Arthur Casas com iluminação de Maneco Quinderé – e 14 ambientes assinados por profissionais de arquitetura, decoração, design e paisagismo.

Em 2015, a MOSTRABLACK traz novidades. A sustentabilidade está definitivamente entre os valores fundamentais do novo formato. O projeto foi confeccionado com materiais desmontáveis e reutilizáveis baseado nos princípios da cenografia. O objetivo é doar tudo para reuso de ONGs e associações especializadas, ao fim da exposição.

O circuito de arquitetura, decoração, design, paisagismo, cultura, arte e lifestyle este ano acontece entre os dias 03 e 21 de junho. A quarta edição do evento surgiu de uma parceria com o Museu da cidade. Com o projeto, a área útil do parque será ampliada.

A exposição conta com 15 espaços ocupados por Camila Klein, Carolina Maluhi, Débora Aguiar, Erik figueira de Melo, Guilherme Torres,  João Armentano, Juliana Vasconcelos, Marcelo Salum, Marcelo Borges, Maximiliano Crovato, Osvaldo Tenório, Ricardo Bello Dias,  Roberto Migotto, Suíte Arquitetos e Triplex Arquitetura.

Durante todo o evento, um ciclo de palestras ocupará o auditório da Oca. As conferências fazem parte do novo posicionamento da MOSTRABLACK concentrado em produzir diálogo entre segmento e mercado e gerar conhecimento acerca dos temas relacionados a arquitetura, design e paisagismo. As palestras serão curadas pelo Centro Universitário Belas Artes São Paulo, apoiadora cultural do evento.

Fonte: Anual Design - http://anualdesign.com.br/blog/7737/4-mostrablack-chega-a-sao-paulo/
CasaMix - http://casamix.net/mostrablack-2015/

terça-feira, 2 de junho de 2015

Os paisagistas Juliana Freitas e João Jadão conquistam o Festival Internacional de Jardins, em Portugal


Reconhecido por um rigoroso júri, o projeto ”H2O” dos paisagistas brasileiros Juliana Freitas e João Jadão, foi escolhido como vencedor do 11º Festival Internacional de Jardins , em Ponte de Lima, Portugal. Os profissionais irão viajar ao país para receber o prêmio no dia 29 de maio, data que marca a abertura do evento que vai até 31 de outubro.
“Criar um jardim que valoriza a água, sem ter a necessidade de usa-la, contribuiu muito para a compreensão da mensagem inserida no nosso projeto, que posteriormente nos rendeu a conquista de um prêmio tão importante como esse”, comenta João Jadão.
Vencedores do Concurso Nacional de Paisagismo Urbano promovido pela ANP – Associação Nacional de Paisagismo, João Jadão e Juliana Freitas , nas edições de 2009 e 2013, respectivamente, decidiram formar parceria para concorrer ao Festival Internacional, que na atual edição tem a temática “Água no Jardim”. Pensando nisso, os paisagistas desenvolveram um jardim que ressalta a importância da água.
“Em um espaço agradável trouxemos o lúdico para o ambiente, com o intuito de trazer a reflexão para a utilização do recurso natural mais importante para a vida. Por isso, emolduramos moléculas de água coloridas em variadas dimensões.”, explica Juliana Freitas.

O júri avaliou 43 propostas selecionadas, de profissionais de 14 nacionalidades diferentes, Portugal com 14 projetos, Espanha com 7, Áustria 4, Polônia e Brasil com 3 cada, Itália com 2, Irlanda, Argentina, Inglaterra, República Tcheca, Sérvia, China e Dinamarca com 1 projeto cada.

Fonte: Comunique-se Assessoria

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Escadas Incríveis

Iowa State Law Library

Escadaria Infinita, pelo artista Olafur Eliasson no edifício KPMG em Munique, Alemanha

 Escada Colorida, na Escola de Artes em Saint Herblain, França

 Escadaria no Museu Aberto de Hakone, no Japão

 Escadas para o topo da Rocha de  Guatapé, na Colombia

Loja Longchamp em Nova York

 Escada em Cascata no Jardim de Especulação Cósmica na Escócia criado por Charles Jencks

 Escadaria Arco-íris em Findikli , Turquia

 Escadaria de vidro em espiral em torno de um aquário na Escócia

 Escadaria no Museu de História Natural em Londres 

 Chand Baori na India

 Escadas com espiral dupla no Museu do Vaticano

 Escadas em uma Livraria Portuguesa

 Quando a loja abriu, em 1906

 Melk Abbey na Áustria

 Escada com Mosaico em São Francisco

 Escultura que dá a impressão de que é possível andar até o céu, pelo artista David McCracken na Austrália

 Groninger Museum na Holanda

 Escadas do Hotel de Gelo

 Em Edinburgo, o Estúdio Dovecot se especializou em tapeçaria e tem escadas tecidas

Uma montanha-russa onde é possível andar, na Alemanha

  Escadas Espirais na Quinta da Regaleira em Portugal

E para quem prefere outra forma de descer as escadas...

Do lado de fora

Líder no mercado de mobiliários para áreas externas, a Tidelli apresenta a sua nova coleção 2015

É o próprio lifestyle da Tidelli que inspira sua coleção de mobiliário externo 2015. Com design contemporâneo, as novas peças são confortáveis, artesanais, marcadas pela identidade dos elementos e pela racionalidade na estruturação dos produtos. A Tidelli cria móveis externos e para ambientes de lazer internos, perfeitos para quem tem um estilo urbano livre e descontraído e também gosta de viver junto da natureza.

Entre as novidades, a empresa importa tecidos acrílicos inéditos no Brasil e aposta em uma parceria com a designer Bia Martinez, que criou estampas que mesclam listras e texturas coordenadas de forma a harmonizar e sofisticar os sofás e poltronas já conceituados por seu design.

A nova linha Soft surpreende com a valorização do tecido, sem interferência de outros materiais. As poltronas, chaises e puffs da coleção contam com o moderno e exclusivo sistema air-flow, desenvolvido pela marca, que suporta as intempéries sem perder o conforto, elegância e praticidade.

Destaque também para os lançamentos da linha Bora Bora, uma cadeira e um balanço, de traços retos e inspiração modernista.  Esses produtos mantém o charme tradicional da marca, produzidos com assento e encosto tramados em cordas náuticas, aliado à tecnologia da estrutura 100% em alumínio.

Surpreende a nova coleção de estar Moorea em madeira e estofado, que apresenta sofás e poltronas com duas opções de montagem, fechado ou vazado em diversos tamanhos e sob medida, através da simplicidade das linhas do desenho, valoriza a matéria-prima orgânica e o conforto.

A valorização das técnicas artesanais e o uso das cordas náuticas se fazem presente também na linha de biombos em macramê, fruto do resultado da colaboração criativa da paisagista Drica Diogo. Esse processo permite formas inusitadas e um produto extremamente diferenciado. Esta peça – nova no portfólio – permite que, além do uso tradicional, seja possível diversas aplicações arquitetônicas.
São apresentadas também, as mesas de apoio Octa, Club e Bora Bora. A Octa com estrutura leve, tampos octogonais em alumínio, usinados em baixo relevo com trama geométrica, que estão disponíveis em duas alturas e dois diâmetros. A Club com mesa de encaixe retangular em ladrilho, design Tatiana Mandelli. E a Bora Bora oval com opção de tampo em Fórmica TS.

Sempre apostando em novos elementos, a Tidelli mescla a inovação presente em suas constantes pesquisas ao tradicional esforço manual presente na produção de suas peças. Com qualidade, os móveis da empresa trazem mais do que beleza e conforto ao ambiente, englobam também sustentabilidade e um estilo de vida único.


Fonte: Tidelli - www.tidelli.com.br